A CRIAÇÃO DO CÉU E DA TERRA E DE TUDO O QUE NELES SE CONTÉM

1 – No princípio Deus criou os céus e a terra. 2- A terra era vazia e sem forma definida, e o Espírito de Deus se movia por sobre as águas. 3 – Deus disse: “Haja luz”, e houve luz. 4 – Deus ficou satisfeito, e separou a luz da escuridão. 5 – Deus chamou a luz de “dia”, e a escuridão de “noite”. O dia e a noite juntos formaram o primeiro dia.

6 – E Deus disse: “Que as águas se separem, entre a expansão do céu em cima e os oceanos em baixo”.

7 – Desse modo, Deus formou o firmamento, separando as águas que ficaram acima do firmamento das que ficaram em baixo. E assim. 8 – Deus chamou o firmamento de céu e houve tarde e manhã. Tudo isso aconteceu no segundo dia.

9 – E Deus disse: “Que as águas que estão debaixo do céu se juntem, formando mares e oceano, de modo que apareça a parte seca”. E assim foi.
10 – Deus chamou a parte seca de terra e as águas de mares. E Deus ficou satisfeito. 11- Então ele disse: “Que a terra produza toda espécie de vegetação: plantas que deem sementes, árvores que produzam frutos, que por sua vez produzam sementes de acordo com a sua espécie.” E assim foi.
12- A terra, pois, fez brotar vegetação: plantas que dão sementes e árvores que produzam frutos, que por sua vez produzem sementes de acordo com a sua espécie. E Deus ficou satisfeito.
13 – Houve tarde e manhã. Tudo isso aconteceu no terceiro dia.
14 – Deus ainda disse: “Que no firmamento do céu haja luz que iluminem a terra para separar o dia da noite. Essas luzes servirão como sinais para estabelecer as estações, os dias e os anos. 15 – Elas brilharão no firmamento do céu para iluminar a terra.” Assim foi. 16- Deus que fez duas grandes luzes: A maior, o sol, para dirigir o dia, e a menor, a lua, para dirigir a noite. Ele também fez as estrelas. 17 – Foi assim que Deus colocou essas luzes no firmamento para iluminarem a terra, 18 – para determinarem os dias e as noites e fazerem separações entre a luz e a escuridão. E Deus ficou satisfeito.
19 – Houve tarde e manhã. Tudo isso aconteceu no quarto dia.

A CRIAÇÃO DOS SERES VIVENTES

20 – Depois Deus disse: “Que ás águas se encham de peixes e de outras espécies de vida; e voem as aves sobre a terra, sob o firmamento dos céus.” 21 – E Deus criou os grandes animais marinhos, e todo tipo de vida aquática, além das aves, de acordo com as suas espécies. E Deus ficou satisfeito.

22 – Então Deus abençoou suas criaturas, dizendo: “Multipliquem-se e encham as águas dos mares.” E ás aves falou: “Sejam cada vez mais numerosas. Encham a terra!” 23 – Houve tarde e manhã. Tudo isso aconteceu no quinto dia.

24 – E Deus disse: “Que a terra produza seres viventes de acordo com as suas espécies: animais domésticos e animais selvagens, segundo as suas espécies.” E assim foi.

25 – Deus fez os animais selvagens, os animais domésticos e os demais seres vivos da terra, de acordo com as suas espécies. E Deus ficou satisfeito. 26 – Depois Deus disse: “Façamos o ser humano á nossa imagem e semelhança. Que ele domine sobre os animais marinhos, sobre as aves do céu, sobre os animais domésticos na terra e sobre os répteis que se movam pelo chão.” 27 – Assim Deus criou o ser humano semelhante á sua imagem, á imagem de Deus o criou; homem e mulher o criou.

28 – Deus os abençoou e disse-lhes: Multipliquem-se, encham a terra e dominem-na. Tenham poder sobre os peixes, sobre as aves dos céus e sobre os animais que rastejam pela terra. 29 – E disse mais: “E dou a vocês todas as plantas que nascem na superfície de toda a terra e dão sementes, e todas as árvores frutíferas que dão sementes.

30 – A todos os animais em que a fôlego de vida, ou seja, a todos os animais selvagens, a todas as aves do céu e aos animais que rastejam pelo chão dou todos os vegetais como alimento. E assim foi. 31 – E Deus ouviu tudo o que havia feito, e eis que havia ficado muito bom. Houve tarde e manhã. Tudo isso aconteceu no sexto dia.

criacao do mundo

Deus abençoe todos vós!

Anúncios